Aula interdisciplinar acerca do conceito de Biopoder de Michel Foucault


Aula interdisciplinar acerca do conceito de Biopoder de Michel Foucault

Com o intuito de apresentar aos alunos o conceito de Biopoder e instigá-los a compreender a nossa realidade uma vez que, em muitas instâncias, os cidadãos estão submetidos a esse poder que buscar regular e gerir a vida das pessoas, mas não têm consciência dessa ação, a professora Cíntia de Português e o professor Poeta de Biologia prepararam uma aula interdisciplinar para os alunos da 3º série do Ensino Médio e do curso extensivo.
Os professores apresentaram uma breve biografia do filósofo francês Michel Foucault, contextualizaram as principais obras “História da loucura” (1961), “Vigiar e punir” (1975) e “História da sexualidade” e posteriormente foi inserido o conceito de Biopoder.
Inicialmente Foucault aborda o Biopoder procurando explicar historicamente como funciona a influência à qual a população é submetida por seu governo. Dá início a sua tese explicando como o ser humano desde o seu nascimento tem uma necessidade de proteção por uma forma de autoridade, e essas autoridades eram as detentoras do poder sobre a vida e morte do indivíduo. Deste modo, a partir do desenvolvimento da sociedade e das alterações ocorridas nas sociedades surge o Biopoder, que ao invés de ter o poder sobre a vida, detém o poder sobre a forma de vida, sobre a qualidade de vida, que também irá de certo modo determinar quem irá morrer, e quem irá viver.
Essa “tecnologia” de governo de vida desenvolveu-se a partir do poder disciplinar, mirando a população como um todo e que hoje é disseminada pelas tecnologias de informação e comunicação. Os alunos foram questionados em quais instâncias podemos observar essa forma de poder e como ela impacta a nossa vida.

Confira nas fotos como foi a atividade.